14 abril 2010

não façam o que eu fiz

As vezes a gente paga por pecados que seriam facilmente evitados se escutássemos os mais velhos ou como no meu caso, os mais experientes. Assim que senti uma melhora em minhas dores ciáticas, já me coloquei a fazer tarefas da quais me adono em minha casa e claro, voltei à sentar horas em frente ao computador. Resultado. Estou com as dores novamente. Não tão fortes, mas voltaram. Como a me falarem -"Tome juízo, faça o bendito do repouso. Você vai e sua casa e tarefas ficam". E é a mais pura verdade. Por isso, não sejam tão tacanhas como a madame aqui. Se tiverem dores, procurem logo por um médico e comecem logo a tomar o medicamento recomendado. Coisa que também demoro para fazer, sempre achando que a dor passará sem a necessidade de uma medicação. E assim que estiver melhor, se dê mais algum tempo de descanso. Ócio mesmo, se assim achar. É esse pedaço da recuperação que vai lhe trazer de volta com total saúde à sua vida diária. Quando as dores passam, as vezes nem tudo está resolvido. Há que se esperar mais algum tempo. Então, estou novamente de repouso. Parece coisa de gente que não tem o que fazer, mas se não tomar cuidado, daqui a pouco tem o encontro de motos em Serra Negra e eu não aguentarei ir para lá de moto. SENHORDAGLORIA, isso, nem pensar. Então, até então!

2 comentários:

Fofinha !!! disse...

Bom dia!!

Nossa...dor é complicado heim... espero que fique bem logo pra ir no seu encontro de motos.

*tenho um selinho pra vc lá no blog.

beijos

Dona Amélia disse...

Sossegaa, mulher! É melhor ficar uns dias marinando do que passar mto mais com dores... ;o)
Torço pela melhora, viu?
Um xêro
paty